DICAS DE SUSTENTABILIDADE

água

É preciso mudar hábitos para reduzir o nosso impacto sobre o planeta. Pratique atitudes sustentáveis no seu dia a dia.

Banho: um minuto que faz diferença!

Sabia que, se cada brasileiro diminuísse em apenas um minuto seu tempo de banho no chuveiro, a energia economizada em um ano equivaleria a 15 dias de operação da usina de Itaipu em sua geração máxima?

Carro: lavagem a seco ou de balde.

Se você tem o costume de terceirizar a lavagem do seu carro, busque locais que lavam a seco. Essa técnica não gasta mais que 4 litros de água, contra os até 500 litros da lavagem normal.

Caso opte por lavar o carro em casa, troque a mangueira pela água de um balde. Você economiza, em um ano, água suficiente para uma família escovar os dentes 3 vezes ao dia durante mais de 15 anos.

Reutilize a água que sai da lavadora de roupa.

A água que sai da máquina de lavar roupa pode ser aproveitada nos vasos sanitários. É só direcioná-la do cano de despejo da máquina para um balde. Esse reaproveitamento da água da lavadora de 5 kg, por exemplo, gera uma economia de água suficiente para reduzir em 5% o consumo mensal de água de uma casa.

Gelo também é água! Saiba aproveitá-lo.

Se você precisar descongelar a geladeira ou o congelador, remova as placas de gelo e reutilize sua água para regar as plantas e o jardim. E se por acaso você derrubar cubos de gelo no chão, coloque-os num recipiente para depois reaproveitar a água. Já quando comprar um saco de gelo, coloque-o dentro de um balde, para depois reutilizar a água que derreter.

Descobrir vazamento no vaso sanitário é fácil.

• Vaso sanitário com caixa d’água acoplada: pingue algumas gotas de corante natural dentro dela. Se o líquido colorido aparecer no vaso sem que você tenha acionado a descarga, quer dizer que a água está vazando.

• Vaso sanitário com válvula embutida: com o vaso seco, use uma caneta marca-texto para fazer um risco ao longo de todo o perímetro interno do vaso, desenhando um círculo acima do nível da água. Depois de 2 minutos, verifique se o traço apagou ou escorreu: se ele tiver escorrido, você tem um vazamento.

Fontes: Instituto Akatu e Portal EcoDesenvolvimento

energia

Economizar energia elétrica é utilizá-la de forma a obter o máximo benefício com um menor consumo de energia, evitando os desperdícios ou o uso inadequado, sem, no entanto, diminuir a qualidade, o conforto e a segurança. Confira as dicas que preparamos para você.

Prefira lâmpadas fluorescentes.

Prefira lâmpadas fluorescentes ou fluorescentes compactas, pois iluminam melhor, consomem menos energia e duram até dez vezes mais do que as lâmpadas incandescentes.

Instale sensores de energia.

Esse equipamento irá detectar a presença humana e ligará automaticamente as luzes. Já quando não houver ninguém naquele ambiente, as lâmpadas ficarão apagadas, evitando o desperdício e reduzindo a conta de luz. Os sensores são especialmente eficientes se instalados em locais com pouca frequência de utilização.

Troque regularmente a borracha de vedação da geladeira.

A geladeira é uma das campeãs quando o assunto é desperdício de energia. Para saber se a borracha de vedação da sua geladeira precisa ser trocada, faça o seguinte teste: prenda uma folha de papel na porta da geladeira e tente retirá-la. Se a folha sair com facilidade, é hora da troca. Faça esse teste em vários lugares da porta e, antes de substituir a vedação, confira as dobradiças da porta para ver se não existem vazamentos.

Descongele os alimentos naturalmente.

Você pode deixar o alimento em ambiente natural, para acelerar o descongelamento (lembre-se sempre de mantê-lo protegido de moscas e outros insetos), ou na geladeira, para que degele aos poucos. Com isso você poderá dar uma folga para o forno ou micro-ondas e ajudará a poupar energia elétrica e gás.

Computador: desconecte dispositivos eletrônicos e configure o modo de espera.

Se você não estiver utilizando dispositivos eletrônicos como HDs externos, scanner, caixas de som e impressoras, desconecte-os do computador. Esses equipamentos consomem energia mesmo quando não estão sendo utilizados.

Programe o seu computador para entrar em modo de espera após ficar inativo por algum tempo. Assim você economiza energia enquanto a máquina não está em uso.

Fonte: Portal EcoDesenvolvimento

resíduos

Preocupar-se com o que você e a sua família geram após o consumo é um ato saudável e sustentável, adotado por consumidores cada vez mais conscientes em todo o mundo. Veja algumas dicas para reduzir a geração de resíduos e descartá-los de forma inteligente.

Descarte adequadamente pilhas e baterias

Pilhas e baterias contêm uma série de substâncias altamente perigosas para o meio ambiente. Por isso, após o uso, deixe suas pilhas e baterias em um coletor apropriado. As operadoras de celulares já são obrigadas a receberem as baterias dos aparelhos vendidos e lhes dar a destinação adequada. Aqui você encontra uma relação de postos de coleta em todo o Brasil.

Medicamentos também demandam cuidados especiais

A melhor forma de se livrar daquele remédio vencido ou que não vai mais ser utilizado é levá-lo ao posto de coleta mais próximo. Acesse aqui uma lista de pontos de coleta de medicamentos em todo o Brasil.

Compre serviços em vez de produtos

Quando precisar de algum equipamento, alugue em vez de comprar. Assim, você sempre terá produtos atualizados e duráveis em vez de equipamentos que estarão obsoletos em pouco tempo.

Doe livros, apostilas e revistas

Depois de selecionar tudo que poderá ser doado, procure uma biblioteca ou escola pública e entregue o material.

Compacte o lixo reciclável

Quando for jogar latinhas, papel, garrafas plásticas ou qualquer material em um coletor de reciclagem, certifique-se que aquele objeto está o mais compactado possível. Por isso, amasse as latinhas e garrafas, rasgue os jornais e revistas e dobre os saquinhos plásticos. Essa organização fará com que eles ocupem menos espaço na lixeira e aumentará a sua capacidade de coleta.

Fonte: Portal EcoDesenvolvimento

mobilidade

Muito mais do que desenvolver soluções de transporte, a Volvo trabalha com foco nas pessoas, buscando tornar suas vidas mais seguras, confortáveis e dinâmicas. Para construir um novo futuro, apoiamos ações práticas que incentivem a mobilidade sustentável e contribuam para zerar acidentes. Confira como você pode contribuir.

Pratique a segurança ao caminhar pelas ruas.

Em estradas ou vias sem calçadas, caminhe de frente para o tráfego (no sentido contrário aos veículos). Utilize a faixa de pedestres, sempre que disponível. Quando não houver, procure outros locais seguros para atravessar, seja na esquina, em passarelas ou próximo a lombadas eletrônicas. Antes de atravessar na frente dos veículos, faça contato visual com os motoristas para ter certeza de ser visto.

Respeite o pedestre.

Quando avistar uma faixa de pedestres, observe se há pessoas querendo atravessar e, se for o caso, pare e espere elas passarem. Não induza o pedestre a atravessar mais rápido. Respeite o sinal vermelho e tenha cuidado redobrado em locais onde há muita gente. Nunca estacione o carro em área de passeio público e preste atenção quando estiver saindo de estacionamentos ou garagens.

Compartilhe caronas.

Converse com seus colegas de trabalho e compartilhe caronas. As vantagens são muitas: diminuição da emissão de poluentes, do número de carros nas ruas, da necessidade de vagas para estacionamento e até de gastos com combustível, quando se opta por dividir esse tipo de despesa.

Utilize o transporte coletivo.

Você pode começar alternando os dias e deixando o carro na garagem algumas vezes por semana. Aos poucos você pode descobrir que andar de ônibus pode ser tão eficiente quanto o carro, além de poluir menos o meio ambiente, evitar os engarrafamentos e reduzir a conta de combustível no final de mês. Você ainda pode aproveitar a viagem para ler um livro, ouvir uma música ou bater um papo sem precisar se preocupar com o trânsito.

A Volvo oferece dezenas de linhas exclusivas para transportar com comodidade e agilidade seus funcionários.

Fontes: Portal EcoDesenvolvimento; Portal da Mobilidade Volvo; PVST

consumo

Todo ato de consumo causa impacto (positivo ou negativo) na economia, nas relações sociais, na natureza e em você mesmo. Ao ter consciência desses impactos na hora de escolher o que comprar, você pode ajudar a construir um mundo melhor. Confira dicas para consumir de forma cada vez mais consciente

Planeje suas compras e consuma apenas o necessário.

Não compre produtos piratas ou contrabandeados.

Compre sempre do comércio legalizado e, dessa forma, contribua para gerar empregos estáveis e para combater o crime organizado e a violência.

Recuse embalagens desnecessárias e contribua para reduzir a montanha de lixo urbano.

Troque presentes por doações.

Avise aos seus convidados que, em vez de trazer lembranças para você, eles podem depositar o valor correspondente na conta de entidades sociais e/ou ambientais.

Incentive seus filhos a consumir de forma mais consciente.

Decida com eles quanto gastar, o que comprar e, juntos, discutam os impactos sociais e ambientais que vocês devem levar em conta na escolha do produto e da empresa que o produziu.

Fonte: Instituto Akatu

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

16/09/2019

A empreiteira francesa Spac, que faz parte do Grupo Colas, recebeu a primeira escavadeira compacta eletrica Volvo Construction Equipment, a ECR25 Eletric. A empresa está testando e avaliando a máquina.

16/09/2019

Hoje, 25 de julho, é o Dia do Motorista, e para comemorar a data a Volvo preparou ofertas especiais no seu e-commerce e no Clube Volvo. Além disso, no Facebook da Volvo Caminhões há uma ação de agradecimento aos caminhoneiros que fazem o Brasil rodar.